INTELIGENTE!!! EXAME INÉDITO NO MA PARA DIAGNÓSTICO DE LABIRINTITE

LABIRINTITE TEM CURA À PARTIR DE DIAGNÓSTICOS PRECISOS

Chega ao MA o Exame “VEMP OCULAR E CERVICAL”

A cura de muitas doenças, na maioria dos casos,  começa po um diagnóstico acertado e preciso. Por isso a importância de realizar em alguns casos e patologias, mais de um exame para ajudar os médicos a defnirem o tratamento mais efucaz para cada doença.

Em exmplo disso é o tratamento da Labirintite, doença causada por um processo inflamatário ou infeccioso dos labirintos, órgãos localizados dentro do sistema vestibular e que são responsáveis pelo equilíbrio, postura e orientação do corpo humano. E que necessita de mais de um exame para se chegar ao diagnóstico da doenaça com precisão.

Segundo a otorrinolaringologista do DOM Medicina Diagnóstica, Dra. Patrícia Prazeres, muitos pacientes não tratavam a doença de forma adequada pela falta no Estado, de um exame muito importante na complementação deste diagnóstico.

“Normalmente, os pacientes que sofrem de sintomas de Labirintite realizavam aqui apenas o exema VENG, pela falta do outro exame complementar importante, que é o VEMP Ocular Cervical. O mais recomendado para se ter um diagnóstico exato da doença é a realização dos dois exames, já que um complementa o outro”, explica a médica.

“Como existem várias causas da Labirintite, esses dois exames associados servem para mostrar a existência de doenças periféricas e doenças centrais e indicar a melhor forma de tratamento para cada caso, baseado num diagnõstico mais preciso”, complementou a otorrinolaringologista. Ela alerta ainda, para um mito muito comum entre a população, o de que a labirintite é uma doença que não tem cura. O que é absolutamente falso segundo a Dra. Patrícia Prazeres. Segundo ela, muitos não diagnosticam a doença de forma correta, e se atém a tratar os sintomas da doença, e não tratam a causa, por falta de um bom diagnóstico.

Entre os principais sintomas da Labirintite estão: Tontura, vertigem, náuseas, vômitos, zumbidos dentro do ouvido, plenitude auricular (sensação de ouvido cheio) e emese (vômitos).

Se tratada corretamente e adequadamente, e se atacado o verdadeiro mal que causa a doença, a labirintite tem cura na maioria dos casos.

Antes, por falta da oferta local do exame VEMP Ocular Cervical, muitos pacientes acabavam sem tratamento adequado para a Labirintite. Este exame agora está disposnível no DOM Medicina Diagnóstica, com sede da Lagoa, que tem ainda outros exames inéditos na cidade em diversas especialidades.

“A proposta do DOM é reunir num único local o que há de mais completo e moderno em exames, consultas e procedimentos. Queremos preencher algumas lacunas na medicina diagnóstica e oferecer um serviço de alto padrão aos maranhenses, com infraestrutura, atendimento e tecnologia de ponta”, explicou o médico radiologista Dr. Márcio Assub, um dos sócios do DOM e responsável pelo CTR Diagnóstico por Imagem.  

FOTOS – DANIELLE VIEIRA:

A realização do exame VEMP Ocular Cervical, indicado como complementar e importante no diagnóstico da Labirintite, é rápido e indolor.

 

 

BOX  -  SAIBA MAIS SOBRE A LABIRINTITE:

EXAMES IDEAIS PARA O DIAGNÓSTICO PRECISO DA LABIRINTITE:

- VENG

- VEMP OCULAR CERVICAL *

* Somente encontrado no DOM Medicina Diagnóstica (R. Lótus, QD.01, N.07, Lt 05 – Lagoa, próx. Ao Clube da Barba – Tel: (98) 2107 2700)

 

Possíveis complicações quando não tratada a labirintite:

  • Convulsões;
  • Visão dupla;
  • Desmaio;
  • Vomitar por semanas;
  • Fala arrastada;
  • Febre de mais de 39oC;
  • Fraqueza ou paralisia;
  • Perda de audição no ouvido afetado.

Tratamento para Labirintite:

Os medicamentos são quase sempre indicados, mas, além deles, recomenda-se a reabilitação vestibular através da fisioterapia e alguns conselhos de alimentação. Isso porque existem alguns alimentos que podem piorar as crises de labirintite, como os doces e os industrializados, e os que ajudam a melhorar a labirintite, como as frutas, legumes e água.

Quando a labirintite é de fundo emocional, controlar o estresse e a ansiedade são de grande ajuda e, algumas vezes, pode ser necessário recorrer ao psicólogo.

CAUSAS MAIS COMUNS DA LABIRINTITE:

Infecções de ouvido, traumatismo craniano, tumor cerebral, doenças neurológicas, infecções virais, bacterianas e alguns tipos de alergia.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>